Hidrogeologia da Província Amazonas

 
  Um dos muitos trechos do rio na região metropolitana de Manaus (AM).

Um dos muitos trechos do rio na região metropolitana de Manaus (AM).

 

A Região Amazônica é caracterizada por um quadro hidrogeológico bastante favorável, em virtude da presença, em mais da metade de seu território, de depósitos sedimentares de litologia variável, com ocorrência de horizontes de elevada permeabilidade. Nós, da TPF Engenharia, fomos contratados para avaliar os Aquíferos das Bacias Sedimentares da Província Hidrogeológica Amazonas no Brasil, em uma área aproximada de 1.920.000 km². Esses estudos visam à geração de conhecimento sobre os principais sistemas aquíferos da região; a realização de estudos hidrogeológicos piloto, em maior escala, em cinco importantes áreas urbanas (Macapá, Porto Velho, Rio Branco, Santarém e Tabatinga); e a elaboração de uma proposta para a implantação de um projeto para proteção ambiental e gestão sustentável dos recursos hídricos subterrâneos das Províncias Hidrogeológicas do Amazonas e do Orinoco, envolvendo também os territórios da Bolívia, Peru, Equador, Colômbia e Venezuela.